Solenidade de Corpus Christi


Missa é celebrada no Santuário de Ribamar em virtude no Ano de São José


A Solenidade de Corpus Christi foi celebrada na manhã desta quinta-feira (3), no Santuário de São José de Ribamar, com a presença de presbíteros da Arquidiocese de São Luís, representantes das pastorais e algumas autoridades da sociedade civil. Entre elas, o prefeito de São Luís, Eduardo Braide; o vice-prefeito de São José de Ribamar, Junior Lago; os vereadores da Câmara Municipal de São Luís, Raimundo Penha e Concita Pinto; o ex-deputado estadual Jota Pinto; e o presidente do Sinduscon-MA, Fábio Nahuz.


A santa missa foi presidida pelo Arcebispo Emérito de São Luís, Dom José Belisário da Silva. “A celebração de hoje em São José de Ribamar foi diferente, uma missa restrita a poucos representantes de pastorais, padres e autoridades da sociedade civil, por conta da pandemia. Mas com a vacinação em massa, esperamos que ano que vem possamos voltar com as procissões pelas ruas levando o Santíssimo para aquela belíssima festa que já conhecemos.”, destacou o arcebispo.


O tema da Solenidade de Corpus Christi é um convite para um olhar mais humano e de compaixão com o próximo. “Eucaristia, vida e missão. Para todas as fomes: pão”, nos impulsiona a tomar uma atitude concreta diante de todas as dificuldades vivenciadas pela sociedade brasileira. “Hoje é o dia em que celebramos a Eucaristia, o Corpo e Sangue do Senhor. Eucaristia significa dar graças, dar graças porque Ele é bom. E sobretudo pela vida do seu Filho que se fez Corpo e Sangue, um alimento para a nossa salvação. É um dia que todo cristão católico celebra de modo muito especial, apesar de todas as restrições da pandemia, guardando a fé e louvando a Deus por essa data”, afirma o vice-reitor do Santuário de São José de Ribamar, padre Gutemberg Feitosa.


Sobre essa união de esforços para enfrentar as dificuldades impostas pela pandemia, o prefeito de São Luís, Eduardo Braide, destacou a ação da prefeitura com foco nos mais necessitados. “Esse é um momento muito importante, o de superar a pandemia. E vamos vencê-la com vacina no braço e comida na mesa. E é fundamental que a gente possa dar as mãos para ajudar aqueles que mais precisam. Por isso, nesse momento de enfrentamento instituímos a 'Vacina Solidária', em que pessoas que vão se vacinar e podem contribuir com algum alimento, de forma espontânea, para que ele chegue nas mesas dos que mais precisam", declarou Braide.


Ele também parabenizou a Arquidiocese pela realização da Solenidade. "Também quero parabenizar toda a Arquidiocese de São Luís que mesmo enfrentando a dificuldade da pandemia, consegue encontrar uma forma especial e não deixar passar em branco um momento desse. Corpus Christi que nos lembra a comunhão de Cristo. E é fundamental para nós, cristãos, termos a certeza de que vamos vencer, a esperança está acima de tudo. Mas o amor de Deus está acima de qualquer coisa.", completou o prefeito de São Luís.


Devido ao cenário de pandemia da Covid-19, a Arquidiocese de São Luís adaptou o evento para permitir que a sociedade em geral participasse de forma segura. A programação foi transmitida pelos veículos de comunicação social (offline e online) da Arquidiocese: TV Nazaré (canal aberto 43.1), Rádio Educadora AM 560, e pelos canais do YouTube da Arquidiocese de São Luís e Santuário de São José de Ribamar.


Live Show “É Tempo de Cuidar”

A partir das 19h30 será realizada a Live Show “É Tempo de Cuidar”, durante a qual será feita a campanha de arrecadação de recursos para a compra de alimentos. Vários cantores maranhenses foram convidados para participar do espetáculo, são eles: Cecília Leite, Gabriel Melônio, César Nascimento, Marco Duailibe, Jamilson Trindade, Emanoel Jesus, Giil Barros, Serginho Carvalho, Edilson Gusmão, Adriana Fróes, Fernando de Carvalho, Robert Gonçalves, Dory Lima, Robério Lima e Mirna Vox. Acompanhados os músicos Lin Júnior, Elisrael Silva, Edivan Rodrigues e Clauber Jorge.


Para o coordenador Arquidiocesano da Ação Evangelizadora Missionária da Arquidiocese de São Luís, padre Jadson Borba e Silva, é importante que a Igreja esteja atenta e em conformidade com a realidade e necessidade do povo. E neste intuito ele faz o seguinte convite: “A participação de todos os irmãos e irmãs é fundamental para que possamos, efetivamente, fazer um gesto concreto nesta Solenidade de Corpus Christi 2021”.


Ação Solidária Emergencial

A Solenidade de Corpus Christi 2021, está em consonância com a Ação Solidária Emergencial É tempo de cuidar, uma iniciativa da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil — CNBB e da Cáritas Brasileira, que tem como objetivo ajudar no combate à fome no Brasil, socorrendo famílias em situação de vulnerabilidade, diante da pandemia da Covid-19. De acordo com a organização, a ação concreta se dará durante todo o ano “através da arrecadação de alimentos, em cada paróquia, com a parceria da Pastoral Familiar e da Pastoral do Dízimo. Portanto, mobilize sua comunidade, para que possamos ajudar nossos irmãos mais necessitados.”, afirma.



Créditos: Ribamar Carvalho e Gustavo Diniz / Pascom São José de Ribamar


50 visualizações

Posts recentes

Ver tudo