top of page

Sancionada lei que institui Dia Nacional do Terço dos Homens


(Terço dos Homens da Mãe Rainha | Foto: Site THMR)

Foi aprovado no último dia 25 de abril pelo vice-presidente da República, Geraldo José Alckmin Filho, e divulgado no Diário Oficial da União, o Dia Nacional do Terço dos Homens, a ser celebrado no dia 8 de setembro. A proposição feita pelo deputado Eros Biondini (PL-MG), através do Projeto de Lei nº 2676/21, com relatoria do deputado Evair Vieira e Melo (PP-ES).


Ao falar da data para o site vaticano, dom Gil Antônio Moreira, arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, e bispo referencial da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) do Terço dos Homens, reforçou a importância do reconhecimento para a liberdade religiosa no Brasil, que apesar de laico, não é laicista e nem antirreligioso.

“Depois de um percurso de vários anos, chegamos à vitória. É o reconhecimento da importância desse movimento hoje presente em todo o território nacional, praticamente em quase todas as paróquias”: foi o que disse dom Gil Antônio Moreira, arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora Bispo Referencial da CNBB para o Terço dos Homens no Brasil.

No Maranhão a data já é uma realidade desde o ano de 2021,sendo um do estados do Brasil em que o Terço dos Homens parte do calendário celebrativo do Governo do Estado. A proposição foi da deputada Helena Duailibe através do Projeto Lei de 270/ 2021, celebrado no último domingo do mês de abril.


No caso Dia Nacional do Terço dos Homens, a data passa a vigorar a partir da aprovação. Assim, neste ano, no dia 8 de setembro, período em que a Igreja comemora o dia do nascimento da Virgem Maria, o Terço dos Homens estará celebrando em todo o País o dia dedicado ao movimento.












Comentários


bottom of page