• Secom

Arquidiocese terá missa em libras transmitida

A missa ocorrerá neste Domingo de Ramos (05), às 10h, e será transmitida da igreja matriz São José e São Pantaleão, no Centro Histórico da capital maranhense.

Abertura da CF na Arquidiocese | Foto: Pascom Sé

A Pastoral dos Surdos do Maranhão celebra 20 anos de atuação em prol da evangelização e da assistência à pessoa com surdez no estado. Com presença em todas as 12 dioceses, na capital maranhense está sediada na Paróquia São José e São pantaleão, Centro Histórico de São Luís.


Na Arquidiocese a pastoral também cumula vinte anos de atuação e está presente em diferentes paróquias dentre as 56 da Igreja local, porém, ainda há um longo caminho a ser percorrido para a implantação da pastoral em todas as paróquias.


No Maranhão, a pastoral está estruturada em coordenação estadual, que refere ao Regional Nordeste 5, coordenações locais, isto é, na Arquidiocese e nas dioceses, e, por conseguinte, nas paróquias e suas comunidades.


Iniciativas


Há um grande esforço empreendido, entre encontros estaduais e locais, formações periódicas nas dioceses e paróquias Maranhão adentro e, em São Luís, com o Curso de Libras, que funciona semanalmente, aos sábados à tarde, na igreja São Pantaleão, como é conhecida, embora esteja interrompido por tempo indeterminado em função do isolamento social decorrente da pandemia do coronavírus.


O curso que funciona há quase 20 anos, com 120 horas divididas em módulos, já formou centenas de interpretes para a capital e o estado. Muitos deles estão nas paróquias, na interpretação das missas, a mais antiga delas como o serviço pastoral é a São José e São Pantaleão, sede da pastoral na Grande Ilha.


Na Arquidiocese, há alguns anos este serviço vem sendo implementado em suas atividades, como a interpretação das missas arquidiocesanas, entre elas, a da abertura da Campanha da Fraternidade e a de Corpus Christi.


Transmissão de missa em libras, uma experiência que apenas começa na Arquidiocese


Ao intensificar este fazer na Igreja local, a Pastoral Arquidiocesana dos Surdos, incentivada pelo assessor regional, padre Hélio de Jesus, vigário paroquial da Paróquia São José e São Pantaleão, residente na comunidade São Roque, Lira, bairro vizinho ao Centro, propôs missa em libras transmitida pelo instagram da Arquidiocese. A proposta foi bem acolhida pelo setor e pastoral da Comunicação da Igreja Metropolitana.


Esta é a primeira missa unicamente em libras, voltada, de fato, para a pessoa com surdez realizada na Arquidiocese, e no regional. A experiência de celebrar em libras com a comunidade surda já era experimentada na igreja São Pantaleão, aos domingos à tarde, na chamada missa do silêncio, presidida pelo padre Hélio.


Uma bela experiência que, em tempos de pandemia, forjou importante saída para a celebração da liturgia de Ramos pela comunidade surda. É vivência profunda do Evangelho quando, mesmo a distância, reúne e gera comunicação entre todos, segundo o mandato cristão (cf. Mc 16, 15). Servirá para fazer participar também a pessoa com surdez das liturgias da Semana Santa.


A principio a iniciativa contempla apenas o Domingo de Ramos (05), mas, o padre Hélio já adianta que a transmissão do Domingo de Páscoa (12) está sendo estudada: "queremos que os surdos participem também, com qualidade, pela celebração em sua língua, a Língua Brasileira de Sinais - Libras, das celebrações litúrgicas desse tempo transmitidas nas redes sociais, são elas o ápice entre as celebrações do calendário litúrgico católico", finalizou.


Acompanhe a transmissão pelo instagram da Arquidiocese .


Use a câmera Google em seu celular.








98 visualizações