Arquidiocese acolhe Encontro Nacional do Grupo de Trabalho Mulher Encarcerada


Entre os dias 21 e 25 de julho, a Arquidiocese de São Luís do Maranhão acolhe o Encontro Nacional do Grupo de Trabalho Mulher Encarcerada, que acontece no Centro Comboniano, bairro Olho D'Água, Maranhão.


A missa de abertura foi presidida pelo arcebispo dom Gilberto Pastana. Ao descrever a recepção do epíscopo para o grupo, o padre comboniano Raimundo Santos, que acompanha a Pastoral Carcerária, ressaltou:


"Dom Gilberto acolheu as participantes de forma calorosa e fraterna e as convidou a refletir sobre a missão desafiadora e profética da Pastoral Carcerária num mundo onde pessoas são descartadas e muitas, principalmente as mulheres, são invisíveis, pouco incluídas, tanto na Igreja quanto na sociedade".

O grupo fica em retiro até a próxima segunda-feira, dia 25 de julho.